Equinix anuncia resultados do 3° trimestre de 2016

Com receita total de US$ 924,7 milhões, a empresa regista crescimento pelo 55º trimestre consecutivo

A Equinix, companhia global de data centers e interconexão, anuncia os resultados do 3° trimestre deste ano – com fechamento em 30 de setembro. O período inclui os resultados trimestrais da Bit-isle e da Telecity, que foram adquiridas em novembro de 2015 e janeiro de 2016, respectivamente. A receita de operações contínuas foi de US$ 924,7 milhões no terceiro trimestre, um aumento de 3% em comparação ao período anterior. Os resultados incluem US$ 39,7 milhões da Bit-isle e outros US$ 107,3 milhões da Telecity.

"Tivemos um terceiro trimestre excelente, obtendo recordes de lançamentos contábeis com um crescimento de dois dígitos nos segmentos financeiro, corporativo e de cloud”, afirma Steve Smith, presidente e CEO da Equinix. “Tivemos, também, um aumento de novos clientes listados na Fortune 500, uma vez que as multinacionais têm se estruturado na nuvem a fim de otimizar a performance. Nós continuamos concentrados em dimensionar e refinar nossa estratégia de entrada no mercado, para tirar proveito dessa migração para a cloud, e seguimos em crescimento. ”

A receita de operações contínuas somou US$ 169,9 milhões no terceiro trimestre, um aumento de 12% em relação ao período anterior.  O EBITDA ajustado foi de US$ 420 milhões, que inclui US$ 13,1 milhões da Bit-isle, US$ 44,1 da Telecity e outros US$ 19 milhões em custos de integração para aquisições. Além disso, os números absorvem um valor incremental de US$ 5 milhões em ajustes de GAAP dos EUA sem dinheiro líquido relacionados à Telecity.

As receitas provenientes das operações (AFFO) somaram US$ 284,2 milhões no terceiro trimestre, uma redução de 2% em relação ao trimestre anterior. O AFFO para o terceiro trimestre incluiu US$ 19 milhões em custos de integração para aquisições.

Destaques do Período

A Equinix continua aumentando a escala e alcance de sua plataforma global, com 18 projetos de expansão em andamento. A companhia anunciou, ainda, novas expansões em Dallas, Dublin, Frankfurt, Helsinque e Zurique, totalizando mais de US$ 100 milhões em despesas de capital. A companhia também adquiriu, no período, bens imobiliários adjacentes às instalações do data center CH3, em Chicago, onde será expandido o campus Elk Grove – um local essencial para clientes financeiros e de cloud.

A companhia adicionou 10 novos clientes listados na Fortune 500 no 3º trimestre de 2016, incluindo: a Target, líder em varejo, a J.B. Hunt, empresa de transporte e a Aetna, provedora de seguro e assistência médica. Agora, a organização está em quase um terço das companhias presentes na Fortune 500 e em quase um quarto das empresas da lista Global 2000.

A Equinix teve, também, seu segundo maior trimestre em lançamentos contábeis no segmento corporativo, e recordes na vertical de serviços financeiros. Além disso, a área de serviços de TI e cloud registrou seu segundo maior trimestre, com expansões da Amazon.com, Cisco Systems, Dell EMC, Marketo e outros.

Perspectivas de Negócios

A meta da empresa inclui resultados previstos para a Telecity a partir de 15 de janeiro de 2016, para a Bit-isle durante todo o ano de 2016 e resultados operacionais incrementais relativos à compra dos data centers em Paris em 1º de agosto de 2016 por aproximadamente US$ 211,7 milhões.  Conforme já anunciado, a empresa alienou oito ativos, sete da Telecity e o data center LD2, para obter autorização regulamentar para a transação. A empresa concluiu essas alienações em 5 de julho de 2016 por aproximadamente US$ 827,2 milhões, o que exclui o benefício atribuído ao acordo de hedge favorável. A meta da empresa não inclui os sete ativos da Telecity, que foram tratados como operações descontinuadas, mas assume 6 meses, ou US$ 6 milhões em receita, do LD2.

Para o último trimestre de 2016, a empresa espera que as receitas variem entre US$ 940 e US$ 946 milhões.  Essa meta inclui um impacto negativo de moeda estrangeira de US$ 4 milhões em comparação às taxas médias de moedas estrangeiras no terceiro trimestre de 2016. Estima-se que as margens brutas sejam de aproximadamente 67%; as despesas gerais, de vendas e administrativas fiquem entre US$ 199 milhões e US$ 205 milhões e o EBITDA ajustado varie entre US$ 429 milhões e US$ 435 milhões, o que inclui um impacto negativo de moeda estrangeira de US$ 2 milhões, em comparação às taxas médias de moeda estrangeira no terceiro trimestre de 2016, e aproximadamente US$ 17 milhões em custos de integração das duas aquisições. São esperadas despesas de capital de aproximadamente US$ 273 milhões, o que inclui aproximadamente US$ 42 milhões de despesas de capital recorrentes e aproximadamente US$ 231 milhões de despesas de capital não recorrentes.

Para todo o ano de 2016, espera-se uma receita total entre US$ 3.609 milhões e US$ 3.615 milhões, uma taxa de crescimento orgânica com câmbio constante de 14,1% no decorrer do ano.  A meta inclui um impacto positivo de moeda estrangeira de US$ 1 milhão de receita em relação às taxas de meta anteriores, e inclui uma receita estimada de US$ 553 milhões a US$ 559 milhões referente às aquisições da Telecity e da Bit-isle. Estima-se que as margens brutas sejam de aproximadamente 67%; as despesas gerais, de vendas e administrativas fiquem entre US$ 779 milhões e US$ 785 milhões e o EBITDA ajustado varie entre US$ 1.650 milhões e US$ 1.656, o que inclui um valor incremental de US$ 4 milhões de custos de integração, ou aproximadamente US$ 59 milhões em custos de integração para o ano todo, um valor incremental de US$ 10 milhões gerado principalmente por ajustes de GAAP dos EUA sem dinheiro líquido relacionados à Telecity e um impacto mínimo de câmbio internacional. Essa meta também inclui aproximadamente US$ 250 milhões em EBITDA ajustado das aquisições da Bit-isle e da Telecity.

Espera-se AFFO entre US$ 1.059 milhões e US$ 1.065 milhões, incluindo aproximadamente US$ 59 milhões em custos de integração e a perda de moeda estrangeira de US$ 64 milhões no 1º trimestre de 2016 atribuída à aquisição da Telecity. Espera-se que as despesas de capital sejam de aproximadamente US$ 1.000 milhões, o que inclui aproximadamente US$ 147 milhões de despesas de capital recorrente e aproximadamente US$ 853 milhões de despesas de capital não-recorrente.

FONTE: E-COMMERCE NEWS

Postagens mais visitadas deste blog

Temos era para tudo, a interconexão é a bola da vez

Equinix apoia renovação de TI da Suzano