Acordo entre NIC.br e Equinix aprimora estrutura do IX.br São Paulo

Novo ponto de acesso da Equinix ao IX.br de SP conta com novos equipamentos que garantem maior robustez 

Entre os maiores pontos de troca de tráfego do mundo, o IX.br (Brasil Internet Exchange) de São Paulo, iniciativa do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) e do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), teve sua estrutura aprimorada em parceria com a Equinix, companhia global de serviços de data center e interconexão. Um acordo entre as organizações permitiu a reformulação do ponto de acesso (PIX) da Equinix em Tamboré, SP, ao IX.br de São Paulo, com a alocação de novo espaço e a instalação de novos equipamentos que ampliam a qualidade e robustez da infraestrutura e permitirão agregar uma grande quantidade de participantes ao IX.br de São Paulo.

As mudanças atendem a novos padrões adotados pelo NIC.br para que o IX.br (PTT.br) de São Paulo continue em crescimento, com qualidade, sem prejuízo para a infraestrutura. As instalações passaram a contar com um espaço confinado dentro de SP2, data center da Equinix em Tamboré, acessado exclusivamente pela equipe do IX.br, que permite que novos participantes possam se conectar com segurança e neutralidade. É uma maneira de organizar os participantes conectados por meio do PIX, e de manter a área exclusiva ao IX.br estável e menos suscetível a problemas.

“Estamos comprometidos com a qualidade do IX.br. Essas ações caminham no mesmo sentido do investimento feito pelo NIC.br para construção de data center próprio, o que também proporciona maior robustez ao IX.br. Por ser um dos maiores pontos de troca de tráfego do mundo, é necessário que toda a infraestrutura siga recomendações de nível internacional. Nesse sentindo, anunciamos no IX (PTT) Fórum 9, realizado em 2015, a necessidade de que as conexões dentro dos data centers aconteçam de forma estruturada, que permitam o crescimento das instalações. Os clientes da Equinix já começam a sentir maior agilidade no atendimento à conexão ao IX (PTT) e hoje a infraestrutura da Equinix será utilizada como referência para os demais PIXs”, destaca Milton Kashiwakura, Diretor de Projetos Especiais e de Desenvolvimento do NIC.br.

“Nossos sites foram construídos sob o conceito de neutralidade e suportam o posicionamento da Equinix como uma plataforma de interconexão mundial, por isso ficamos felizes e continuaremos apoiando todas as iniciativas de troca de tráfego como essa do IX.br”, afirma Nelson Mendonça, Diretor de Operações da Equinix no Brasil. “Além disso, segundo o estudo A Empresa do Futuro, até 2017, 84% dos líderes de TI utilizarão infraestruturas em que a interconexão estará no centro de suas decisões. Isso mostra que a parceria entre Equinix e NIC.br está seguindo ao encontro dos próximos desafios do setor de Tecnologia”, completa.

Benefícios do IX.br

O IX.br promove e cria a infraestrutura necessária para a interligação direta entre as redes que compõem a Internet no Brasil. Com pico de tráfego total de 1,6 Tbit/s, as 25 localidades do IX.br ultrapassaram 100% de crescimento em um ano. Entre as vantagens dos Internet Exchanges estão a redução na latência (tempo necessário para obter um conteúdo da Internet), a organização da infraestrutura de rede da Internet e racionalização dos custos, uma vez que o tráfego é resolvido direta e localmente e não por meio de redes de terceiros.

Postagens mais visitadas deste blog

Temos era para tudo, a interconexão é a bola da vez

Equinix anuncia resultados do 3° trimestre de 2016

Equinix apoia renovação de TI da Suzano